Instituto Alarme recebe reconhecimento internacional

Instituto Alarme recebe reconhecimento internacional

O trabalho realizado pelas crianças e jovens do Instituto Alarme em São José do Rio Preto ganhou visibilidade mundial. Nesta quinta-feira a equipe da Alarme estará em São Paulo para receber em mãos o prêmio Energy Globe Awards. Com o objetivo de diminuir o desperdício dos alimentos oferecidos no Instituto, as crianças e monitores criaram o “Desperdício Zero”, projeto premiado com o National Energy Globe Award Brazil, principal prêmio mundial de sustentabilidade que reconhece as melhores iniciativas mundiais.

O Energy Globe Foundation é uma organização sem fins lucrativos fundada pelo pioneiro austríaco Wolfgang Neumann. Com base em 30 anos de experiência na área de eficiência energética e energias renováveis, a Fundação Energy Globe é líder global na área de sustentabilidade.

O objetivo principal da Fundação é criar um maior nível de conscientização em todo o mundo quanto à necessidade de utilizar recursos de forma sustentável, especialmente no que diz respeito à energia. Assim, planejando projetos específicos destinados a criar um futuro mais sustentável para as próximas gerações e melhorar as condições de vida nos países em desenvolvimento.

Desde 1999, o Energy Globe World Awards distingue os melhores projetos nas cinco categorias terra, fogo, água, ar, juventude e plásticos sustentáveis, sendo o Instituto Alarme destaque na categoria juventude.

Só nesta edição, 178 países inscreveram projetos voltados para o desenvolvimento da sustentabilidade. Em julho, representantes do Instituto Alarme irão a São Paulo receber o certificado no consulado austríaco.

“É muito gratificante receber esse reconhecimento internacional. A equipe, junto com as crianças e jovens, se propuseram a pensar em soluções para conter o desperdício e dedicam-se para que os resultados sejam cada vez melhores. Essa é a prova de que provocar mudanças no seu ambiente de convívio pode impactar o mundo. O Instituto Alarme conseguiu”, destaca Mayara Carrasco, Coordenadora de projetos no Instituto Alarme.

O projeto vencedor “Desperdício Zero” tem como foco principal a educação ambiental e nutricional, além da diminuição do desperdício de alimentos oferecidos nas refeições, correto aproveitamento e descarte desses resíduos.

Para início do projeto, foram realizadas coletas e as pesagens dos recipientes onde as crianças descartaram os resíduos alimentares de seus pratos após as refeições durante 15 dias, o resultado foi 230 kg. Após essa coleta de dados, foi promovida uma competição de diminuição de desperdício e atividades de educação ambiental e nutricional. Educadores e monitores trabalharam a conscientização ambiental com os alunos e com os colaboradores, utilizando os dados colhidos, vídeos e palestras sobre o forte impacto que esses resíduos causam ao meio ambiente quando descartados de forma inadequada. O cenário da fome mundial e a proliferação de doenças também estiveram em pauta.

Juntamente com a teoria, as crianças aprenderam a aproveitar os resíduos orgânicos descartados no preparo das refeições para produção de composto orgânico, por meio da compostagem.

Como a demanda por resíduos orgânicos na instituição é muito maior do que se produz, o apoio de empresas parceiras como o Armazém Grindélia, Nino Cozinha Afetiva e Supermercados Proença foram essenciais para o desenvolvimento do projeto.

Com essas parcerias pode-se garantir maior produção de composto e, consequentemente, melhoria  da produção da horta orgânica, responsável pelo fornecimento de legumes e vegetais para as refeições das próprias crianças, além da construção de uma visão sustentável das empresas quanto à sua responsabilidade social e ambiental, aumentando o número de envolvidos no projeto e consequentemente tornando-o mais público, acessível e interessante para a população da cidade.

Os resíduos que não são aproveitados na compostagem, como as sobras das refeições, são direcionadas para criadores de animais, que busca diariamente essas sobras na instituição.

Após a semana da conscientização, voltou-se às pesagens dos resíduos alimentares e a diminuição foi de 175 kg, em apenas 15 dias.

O projeto continua com as turmas antigas e novas, em busca de ampliação. A mudança é diária.

 

Fonte: DHoje Interior